Após cinco dias, dólar cai e fecha acima de R$ 5,40

Na mínima do dia, por volta das 15h10, a moeda norte-americana chegou a ser vendida a R$ 5,37, mas voltou a ganhar força no final da tarde

  • Por Jovem Pan
  • 11/08/2020 18h49
Willian Moreira/Estadão ConteúdoO dólar bateu R$ 5,80 em meio receio dos investidores internacionais

Pela primeira vez em cinco sessões, o dólar caiu, influenciado por um movimento global de correção das altas dos últimos dias. O dólar comercial fechou esta terça-feira (11) vendido a R$ 5,415, com recuo de R$ 0,05 (-0,91%). A cotação abriu em alta. Pela manhã, chegou a subir 0,33%. Durante a tarde, a tendência inverteu-se, e a moeda passou a cair. Na mínima do dia, por volta das 15h10, chegou a ser vendida a R$ 5,37, até se estabilizar acima dos R$ 5,40.

A expectativa do fechamento de um acordo para um pacote adicional de estímulos à economia norte-americana dominou as negociações. O mercado estava animado com comentários do presidente Donald Trump de que parlamentares democratas queriam reunir-se com ele para discutir as medidas. No entanto, a queda do dólar perdeu força depois de o líder republicano no Senado norte-americano, Mitch McConnell, negar que a conversa tenha ocorrido.

No mercado de ações, o dia foi marcado pelas oscilações. O índice Ibovespa, da B3 (a bolsa de valores brasileira), encerrou esta terça aos 102.174 pontos, com recuo de 1,23%. O indicador seguiu a bolsa norte-americana. O índice Dow Jones, da bolsa de Nova York, fechou o dia com queda de 0,38%, depois de operar em alta durante quase toda a sessão.

*Com informações da Agência Brasil