Banco Central anuncia vazamento de mais de 2 mil chaves Pix ligadas à Logbank

Em nota, autarquia informou que nenhuma informação sensível foi divulgada; este é o terceiro caso desde o lançamento da ferramenta

  • Por Jovem Pan
  • 03/02/2022 17h08 - Atualizado em 03/02/2022 17h10
Marcello Casal Jr/Agência Brasil Tela do Pix no site do Banco Central Vazamento ocorreu entre os dias 24 e 25 de janeiro, disse a autarquia

O Banco Central (BC) informou, nesta quinta-feira, 3, o vazamento de dados de natureza cadastral de mais de duas mil chaves Pix de clientes da instituição financeira Logbank Soluções em Pagamentos S/A. De acordo com a instituição, não foram expostos “dados sensíveis”, apenas nome do usuário, CPF, instituição de relacionamento e número da conta. A Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD) foi avisada e as pessoas afetadas serão notificadas.

“Apesar da baixa quantidade de dados envolvidos, o BC sempre adota o princípio da transparência nesse tipo de ocorrência. Como nos casos anteriores, não foram expostos dados sensíveis, a ANPD foi avisada e as pessoas afetadas serão notificadas. A página de incidentes será mantida permanentemente atualizada, dispensando futuras comunicações por Nota à Imprensa ou mensagens de WhatsApp”, informou o Banco Central. Ainda segundo o BC, o vazamento ocorreu entre os dias 24 e 25 de janeiro. Esta foi a terceira ocorrência desta natureza. Entre os dias 3 e 5 de dezembro, foram vazadas 160.147 chaves ligadas ao banco digital Acesso. Antes disso, em agosto de 2021, dados de 414.526 usuários do Banco do Estado de Sergipe S.A. (Banese) foram divulgados. Em todos estes casos, nenhum dado sensível foi vazado.