Presidente do BC anuncia acerto para WhatsApp operar pagamentos

Roberto Campos Neto afirma que regulamentação sairá o mais rápido possível

  • Por Jovem Pan
  • 17/07/2020 03h38
Cesar Conventi/ Estadão ConteúdoRoberto Campos Neto afirma que acerto sairá o mais rápido possível

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, anunciou nesta quinta-feira, 16, que está comprometido em regulamentar o WhatsApp como ferramenta de pagamentos o mais rápido possível. Contudo, ele ressaltou que, para isso, precisam ser assegurados critérios ligados a segurança de dados e competição, e ainda que processo seja agilizado, o serviço irá passar pelo “trilho de aprovação normal como qualquer outro arranjo e ser aprovado como qualquer outro arranjo”, disse o presidente em live do Itaú BBA.

Em 23 de junho, o BC determinou que Visa e Mastercard suspendessem o uso do aplicativo para realização de pagamentos e transferências de recursos. Na época, a instituição alegou que a decisão buscava “preservar um adequado ambiente competitivo, que assegure o funcionamento de um sistema de pagamentos interoperável, rápido, seguro, transparente, aberto e barato”. “Em nenhum momento o Banco Central proibiu nada”, ressaltou Campos Neto. 

Também nesta quinta-feira, o presidente do Banco Central que o desemprego causado pela Covid-19 provavelmente vai “piorar antes de melhorar”. Segundo ele, esta é a pior consequência da pandemia de coronavírus no Brasil. No entanto, Campos Neto afirma estar otimista com a recuperação da economia, e destacou que o governo não pode descuidar da área fiscal.