Após atentado em Basílica de Nice, França sofre outros ataques

Em Lyon, um homem com um lâmina foi preso; em Avignon, o suspeito foi morto

  • Por Jovem Pan
  • 29/10/2020 11h15 - Atualizado em 29/10/2020 12h03
EFE/EPA/ERIC GAILLARD / POOL MAXPPP - 29/10/2020O presidente da França, Emmanuel Macron, visitou a cidade de Nice após o ataque que deixou três mortos

A França sofreu pelo menos três ataques na manhã desta quinta-feira (29). Além do atentado a facas em uma Basília em Nice, que deixou três mortos, um homem com uma lâmina foi preso na cidade de Lyon e outro foi morto pela polícia após ameaçar pessoas com uma arma em Avignon. O Consulado francês em Jeddah, na Arábia Saudita, também registrou um ataque nesta manhã, onde um guarda de segurança foi ferido. Ainda não se sabe se os quatro ocorridos tem alguma relação.

O primeiro-ministro da França, Jean Castex, classificou o atentado como “imóvel, bárbaro e abjeto” e prometeu que resposta vai ser “firme, implacável e imediata”. Uma reunião extraordinário do Conselho de Defesa do país vai acontecer já na sexta-feira (30), após o governo anunciar que elevou o nível de vigilância terrorista para máxima. Em Lyon, o homem, que seria de origem afegã, foi preso no centro da cidade com um lâmina de 30 centímetros. Ele estava próximo da estação ferroviária de Perrache, foi controlado pela polícia e está sob custódia. Não há registro de feridos até o momento. Uma investigação foi aberta e está em andamento para estabelecer sua identidade.

No distrito de Montfavet, na cidade de Avignon, um outro homem ameaçou os cidadãos com uma arma de fogo por volta das 10h (horário local). Ele seria um conhecido de hospícios da região. A polícia interveio e ele foi morto, após se recusar a entregar a pistola. Outras pessoas não foram feridas. Até o momento, fontes policiais não indicam “caráter islâmico” na ação e a investigação foi confiada à Polícia Judiciária. Já na Arábia Saudita, um guarda de segurança no Consulado francês foi ferido em mais um ataque com faca. O agressor foi preso. De acordo com informações locais, a vida da vítima não corre perigo. O motivo do atentado permanece desconhecido e o agressor foi identificado como um saudita. A Embaixada da França em Riade condenou veementemente a ação.

Ataque em Nice

Mais cedo, um ataque com faca deixou três mortos na Basílica de Notre-Dame de l’Assomption em Nice, na França. As vítimas seriam um homem e duas mulheres. De acordo com o jornal francês Le Monde, outras pessoas ficaram feridas. Duas mortes aconteceram dentro da igreja — sendo que uma mulher foi decapitada. A terceira aconteceu fora, em um bar, onde a vítima tentava se proteger. A vítima do sexo masculino seria o guardião da igreja. A policia nacional e municipal interviram e o homem que atacou foi preso após ser baleado pelos oficiais.