Bombeiros tentam proteger árvore milenar de incêndios florestais na Califórnia

Sequoia batizada de ‘General Sherman’ tem 2,3 mil anos, 11 metros de diâmetro e mais de 83 de altura, equivalente a um prédio de 27 andares

  • Por Jovem Pan
  • 24/09/2021 18h06 - Atualizado em 24/09/2021 19h29
The General Sherman tree - Sequoia National Park/Creative Commons Sequoia General Sherman está ameaçada por incêndios florestais na Califórnia

Mais de 3 mil bombeiros tentam combater o avanço das chamas de incêndios florestais na Califórnia nesta sexta-feira, 24, em uma tentativa de proteger sequoias gigantes que podem ser consumidas pelo fogo na região. Uma delas, a General Sherman Tree, é a mais popular do parque Giant Forest e a terceira maior do mundo em volume. Ela é ameaçada pelo incêndio batizado de KNP, que atinge o Parque Nacional Redwood, na cidade de Orick. Outro grande incêndio, batizado de Windy, está a cerca de 100 quilômetros do parque. A sequoia General Sherman tem mais de 2,3 mil anos de existência, 11,1 metros de diâmetro e 83,3 metros de altura, o equivalente a um edifício de 27 andares.

De acordo com o Departamento de Silvicultura e Proteção contra Incêndios da Califórnia (Cal Fire), o KNP queimou 14,9 mil hectares até esta sexta-feira, 24, e avança sem progressos significativos na contenção por parte dos bombeiros. O Windy, por sua vez, atingiu 20 mil hectares e está 6% contido nas ações de combate ao fogo. Os incêndios são propagados pelo mau tempo na região, que acabou de sair de um período de verão. Nesta quinta-feira, 23, a polícia da Califórnia prendeu uma mulher de 30 anos identificada como Alexandra Souverneva por suspeita de iniciar um dos incêndios. Ela teria sido flagrada por trabalhadores de uma pedreira na região do condado de Shasta com “atitudes suspeitas” próximas ao local no qual o fogo foi iniciado. Ela teria permanecido na região por dias e procurado por ajuda médica após ficar desidratada e cercada pelo fogo.