EUA: Deputado democrata processa Donald Trump por ‘terrorismo’

Eric Swalwell afirma que a invasão ao Capitólio em janeiro foi consequência direta e previsível do ex-presidente, que seria portanto responsável pelos danos e pela destruição

  • Por Jovem Pan
  • 05/03/2021 16h23
Erin Scott/EFEO Senados dos Estados Unidos absolveu Donald Trump no processo de impeachment que discutia sua responsabilidade sobre a invasão ao Capitólio

O deputado democrata que representa o estado da Califórnia, Eric Swalwell, entrou nesta sexta-feira, 5, com um processo contra Donald Trump. Ele está acusando o ex-presidente dos Estados Unidos, juntamente com o seu filho Donald Trump Jr. e o seu advogado Rudy Giuliani, de “terrorismo” e “incitação à violência” pela invasão ao Capitólio em janeiro. Em sua ação, Eric Swalwell afirma que a invasão “foi consequência direta e previsível dos acusados”, que seriam portanto “responsáveis pelos danos e destruição”. Dessa forma, o deputado acusa o ex-presidente e os seus aliados de “conspiração para violar direitos civis, negligência, incitação aos distúrbios, desordem pública, terrorismo” e de causar “uma angústia emocional grave”.

O ataque, que resultou em cinco mortes, já tinha sido o argumento de acusação para o impeachment de Donald Trump, do qual ele foi absolvido pelo Senado. Além disso, essa não é a primeira vez que o ex-presidente é processado pelo ataque à sede do Congresso dos Estados Unidos: o deputado progressista do Mississipi, Bennie Thompson, já havia se apresentado nos tribunais contra Trump e os grupos de extrema-direita Proud Boys e Oath Keepers.

*Com informações da EFE