EUA planejam distribuir vacina contra Covid-19 da Johnson na próxima semana

O imunizante seria o terceiro a receber aprovação para uso emergencial no país, para quem a multinacional prometeu entregar 20 milhões de doses até o fim de março

  • Por Jovem Pan
  • 25/02/2021 12h11 - Atualizado em 25/02/2021 14h35
LUIS LIMA JR/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO - 21/01/2021A vacina contra Covid-19 da Johnson & Johnson demonstrou ter uma eficácia geral de 72% nos Estados Unidos

Os Estados Unidos planejam distribuir entre três e quatro milhões de doses da vacina contra a Covid-19 desenvolvida pela Johnson & Johnson nos próximos dias. O coordenador para a pandemia da Casa Branca, Jeff Zients, disse em entrevista coletiva que a multinacional pretende entregar cerca de 20 milhões de unidades da vacina até o fim de março deste ano. O imunizante ainda precisa receber a aprovação para uso emergencial do órgão regulador de medicamentos do país, a Food and Drug Administration (FDA), que avaliará a questão nesta sexta-feira, 25. No entanto, a entidade já confirmou que a vacina possui 72% de eficácia geral e 84% contra casos graves da Covid-19.

O imunizante de dose única pode ser armazenado em refrigeradores comuns por até três meses, o que faz com que a sua distribuição seja consideravelmente mais fácil do que a das vacinas da PfizerBioNTech ou da Moderna. Além de precisarem de duas aplicações, as concorrentes precisam ser mantidas em temperaturas baixíssimas que exigem o uso de equipamentos e estratégias de logística especiais. Por outro lado, o imunizante da Johnson & Johnson possui uma eficácia geral menor do que o da Pfizer-BioNTech e da Moderna, ambas em torno de 95%.