EUA registram primeiro caso de variante do coronavírus

Variante foi identificada no Reino Unido e se espalhou para alguns países desde então

  • Por Jovem Pan
  • 29/12/2020 20h21 - Atualizado em 29/12/2020 20h22
EFE/Bryan R. SmithInfecção foi confirmada nesta terça-feira, 29.

As autoridades de saúde do estado do Colorado, nos Estados Unidos, confirmaram o primeiro registro de infecção pela variante do coronavírus. A mutação foi identificada pela primeira vez no Reino Unido e é até 70% mais transmissível que a outra variação. Segundo o governo, o infectado é um homem de 20 anos que não tem histórico recente de viagens. Depois do teste positivo, ele foi colocado em isolamento enquanto as autoridades tentam mapear as pessoas que se encontraram com ele. O governador do Colorado, Jared Polis, disse que a saúde dos moradores do Estado é a “prioridade” de seu governo e que sua administração está monitorando o caso.

A variante foi identificada no Reino Unido em meados de dezembro e, desde então, gerou alerta na Europa, fazendo diversos países fecharem suas fronteiras e proibirem vôos com origem no Reino Unido. Entretanto, as medidas não impediram que a nova cepa se espalhasse. Itália, Holanda e Dinamarca, por exemplo, registraram casos de infecção pela variante. Nesta terça-feira, 29, o Chile também confirmou que foi registrado o primeiro caso de infecção pela nova cepa no país.

*Com informações do Estadão Conteúdo