Falando mais uma vez em fraude, Trump pede que eleição seja refeita em alguns estados

Presidente dos EUA usou as redes sociais para publicar mensagens afirmando que cédulas eleitorais foram encontradas e eleitores queriam nova votação; ele não mostrou provas

  • Por Jovem Pan
  • 06/01/2021 14h15
EFE/EPA/CHRIS KLEPONIS / POOLPresidente dos EUA alega, sem provas, que eleição foi fraudada

Um dia após sugerir que o vice-presidente Mike Pence não reconhecesse a vitória de Joe Biden em sessão no Congresso, o presidente Donald Trump usou as redes sociais novamente nesta quarta-feira, 6, para criticar o processo eleitoral norte-americano em sete mensagens diferentes. “Eles acabaram de encontrar 50 mil cédulas eleitorais ontem à noite. Os Estados Unidos estão sendo envergonhados por tolos. Nosso processo eleitoral é pior do que os de países de terceiro mundo”, afirmou o presidente, sem mostrar provas. Em outra mensagem, ele fala que “Até o México usa identificação dos eleitores” e disse que os norte-americanos querem refazer o processo eleitoral.

As mensagens de Trump foram enviadas no mesmo dia em que o Congresso se reúne em Washington sob sessão presidida pelo vice republicano para formalizar a confirmação da vitória de Joe Biden e Kamala Harris. É possível que Mike Pence seja a pessoa responsável por anunciar a eleição do democrata. No local, manifestantes a favor do presidente se reúnem para protestar e pedir recontagem de votos. O presidente eleito Joe Biden deve tomar posse no dia 20 de janeiro e pediu que apoiadores não fossem até a cerimônia para evitar aglomerações diante da pandemia do novo coronavírus. O país norte-americano é o que registra maior número de mortes no mundo, com mais de 300 mil óbitos.