Papa Francisco doa US$ 500 mil para ajudar imigrantes retidos no México

  • Por Jovem Pan
  • 27/04/2019 14h49
EFE/Claudio PeriA doação do pontífice, muito atento aos problemas de imigração, chega depois que a Igreja do México pediu ajuda à Santa Sé

O papa Francisco enviou US$ 500 mil para que a Igreja do México possa continuar sua ajuda aos imigrantes que se encontram retidos no país em sua jornada rumo aos Estados Unidos. A Santa Sé confirmou a informação neste sábado (27).

Graças ao óbolo de São Pedro, que financia as obras de caridade do Vaticano com as doações de fiéis, esse dinheiro será aplicado em 26 projetos de 16 dioceses e congregações religiosas do México.

A doação do pontífice, muito atento aos problemas de imigração, chega depois que a Igreja do México pediu ajuda à Santa Sé “para continuar dando alojamento, comida e artigos de primeira necessidade” aos imigrantes.

“Graças a estes projetos, à caridade e à solidariedade cristã, os bispos mexicanos esperam poder continuar ajudando os irmãos e irmãs que migram”, diz o comunicado do óbolo.

A nota explica que, nos últimos tempos, milhares de imigrantes – homens, mulheres e crianças – chegaram ao México após percorrerem milhares de quilômetros cruzando países como Honduras, El Salvador e Guatemala fugindo da “pobreza e da violência” e em busca de um futuro melhor nos EUA.

Seis caravanas de imigrantes chegaram ao México em 2018, formadas por um total de 75 mil pessoas.

“Todas estas pessoas ficaram retidas por não poderem entrar nos EUA, sem casa, nem meios. A Igreja Católica acolhe milhares deles nos albergues das dioceses e das congregações religiosas, dando-lhes o necessário para viver, como um teto e roupas”, aponta o Vaticano.

No entanto, a Santa Sé ressalta que “a cobertura midiática sobre esta emergência foi diminuindo e como consequência diminuiu também a ajuda aos imigrantes por parte do governo e da iniciativa privada”.

*Com Agência EFE