Polícia de Nova York recupera pistola e carregadores usados em ataque no metrô

Arma utilizada emperrou e evitou que mais pessoas fossem atingidas; suspeito ainda está foragido

  • Por Jovem Pan
  • 12/04/2022 18h12 - Atualizado em 12/04/2022 20h35
REUTERS/Eduardo Munoz tiroteio em Nova york Ataque em estação de Nova York deixou pelo menos 16 feridos

A polícia de Nova York recuperou uma pistola e vários carregadores de alta capacidade na estação de metrô de Sunset Park, no Brooklyn, onde pelo menos 23 pessoas ficaram feridas (dez delas baleadas, sendo que cinco estão em estado grave, mas não correm risco de morte). De acordo com as informações passadas pelas autoridades à imprensa local, a arma, uma pistola Glock, estava aparentemente emperrada. “Foi sorte ela ter ficado emperrada, porque poderíamos estar falando de muito mais pessoas em hospitais ou algo pior. Dúzias de outras pessoas poderiam ter ficado feridas ou ter ferimentos mais graves”, disse. Fogos de artifício e pólvora, que teriam sido usados para criar uma cortina de fumaça, também teriam sido recuperados no local. O ataque a uma estação de metrô aconteceu por volta das 8h, desta terça-feira, 12. 

A chefe de polícia não descarta que possa ter sido um ato terrorista e informou que as investigações continuam. O suspeito ainda não foi localizado. Os depoimentos das testemunhas à imprensa local e as gravações compartilhadas nas redes sociais indicam um cenário caótico, com os passageiros assustados e os feridos sangrando, espalhados pelo vagão e no chão da plataforma enquanto estão sendo atendidos. Por enquanto, as autoridades disseram não saber o motivo do ataque, mas já garantiram que não está sendo investigado.

*Com informações da EFE