Primatas recebem vacina experimental contra a Covid-19 para animais

Os local escolhido para esse primeiro teste de imunização foi o Zoológico de San Diego, onde houve um surto do novo coronavírus entre os gorilas

  • Por Jovem Pan
  • 05/03/2021 12h28 - Atualizado em 05/03/2021 13h49
Divulgação San Diego ZooQuatro orangotangos receberam as duas doses do imunizante e serão testado para anticorpos em breve

Nove primatas do Zoológico de San Diego, nos Estados Unidos, receberam uma vacina experimental contra a Covid-19 desenvolvida especialmente para aplicação em animais. Quatro orangotangos e cinco bonobos foram vacinados, cada um, com duas doses de um imunizante desenvolvido pela empresa farmacêutica veterinária Zoetis, que já havia sido considerado seguro para cães e gatos em outubro de 2020. A chefe de conservação do zoológico, Nadine Lamberski, disse em entrevista à revista norte-americana National Geographic que os primatas não sofreram nenhuma reação adversa e logo serão testados para anticorpos para determinar se as vacinas foram ou não um sucesso.

A iniciativa acontece em um momento de preocupação em relação à ameaça do novo coronavírus entre os animais. Em janeiro, oito gorilas do Zoológico de San Diego se tornaram os primeiros primatas a testarem positivo para a doença. Infecções pelo Sars-Cov-2 também foram registradas entre leões e tigres do Zoológico de Nova York. Além disso, há notificações de contaminação em cães, gatos, furões e visons de várias partes do mundo, apesar dos casos ainda serem raros.