Sonda da Nasa flagra imagens inéditas de Vênus; veja vídeo

Solar Orbiter fez sobrevoo no planeta na última semana e capturou frames do brilho do sol incidindo em parte dele

  • Por Jovem Pan
  • 13/08/2021 17h37
NASA/ESA/DivulgaçãoSonda gravou imagens inéditas de Vênus

A agência espacial norte-americana (Nasa) e a Agência Espacial Europeia (ESA) divulgaram nesta sexta-feira, 13, imagens feitas pela sonda Solar Orbiter ao passar a cerca de oito mil quilômetros de distância de Vênus nos dias 7 e 8 de agosto. Nos frames, é possível ver que os raios de sol que estão fora de imagem que incidem sobre o planeta fazendo com que ele fique brilhoso e a parte da “noite” do astro aparece como um “ponto preto”. “Somente um pedaço da parte do dia aparece nas imagens, mas ele reflete luz do sol o suficiente para causar um brilho crescente e os raios difratados podem ser vistos saindo da superfície”, afirmou em nota o astrofísico responsável pelo Laboratório de Pesquisa Naval de Washington D.C., Phillip Hess.

Nas imagens, durante a aproximação de Vênus, também é possível ver pontos brilhantes que foram identificados pela Nasa como as estrelas Omicron Tauri e Xi Tauri, que fazem parte da constelação de Touro. A sonda, lançada em fevereiro de 2020, usa a gravidade de Vênus para poder se aproximar do sol, podendo, assim, se inclinar e fazer mais registros do astro. Além de ter feito as fotos mais próximas do sol até o momento, a Solar Orbiter fez outro sobrevoo nas imediações de Vênus antes deste. A expectativa é de que outras seis aproximações do planeta sejam feitas entre os anos de 2022 e 2030.