Talibã ocupa sede da Comissão Independente de Direitos Humanos do Afeganistão

‘O órgão tem pouca confiança de que um governo talibã respeitará o mandato e a independência do AIHRC’, diz o comunicado

  • Por Jovem Pan
  • 18/09/2021 18h01
FE/EPA/STRINGERZabhiullah Mujahid, o porta-voz do Talibã, durante coletiva de imprensa que anunciou o novo governo no Afeganistão

A Comissão Independente de Direitos Humanos do Afeganistão (AIHRC, na sigla em inglês) denunciou neste sábado, 18, que os talibãs ocuparam seus escritórios e estão impedindo a retomada normal dos trabalhos deste organismo, que é fundamental no atual contexto afegão. “O Talibã não apenas ocupou todos os escritórios e edifícios da AIHRC, mas continua usando esses escritórios para suas reuniões, ao mesmo tempo que faz uso de seus bens, como carros e computadores”, disse a agência em um comunicado.

A AIHRC pediu aos islâmicos que “respeitem a independência” da instituição e, embora eles tenham esclarecido que, por enquanto, o Talibã não “dissolveu” o órgão, eles não puderam retomar seu trabalho desde a queda do antigo governo afegão em 15 de agosto. Considerando a indiferença dos radicais islâmicos em relação aos direitos humanos no passado, incluindo ataques a ativistas, o órgão “tem pouca confiança de que um governo talibã respeitará o mandato e a independência do AIHRC”, diz o comunicado. No mês passado, vários funcionários da comissão fugiram do país, enquanto aqueles que permanecem no Afeganistão estão “preocupados com sua segurança”, alertou à Agência Efe um representante da AIHRC.

*Com informações da EFE