Theresa May vence oposição no parlamento e seguirá premiê mesmo com derrota do Brexit

  • Por Jovem Pan
  • 16/01/2019 18h09
EFEA vitória de May, apesar de importante para o governo, foi apertada

Theresa May vai continuar no cargo de primeira-ministra do Reino Unido. O Partido Trabalhista, de oposição, não conseguiu votos suficientes para tirá-la da chefia de governo. Entretanto, a vitória desta quarta-feira (16) foi apertada: 325 a 306.

Com o resultado, a premiê prometeu continuar os esforços para aprovar o acordo de saída da União Europeia, o chamado Brexit, e convidou os partidos de oposição para reuniões pessoais para discutir emendas ao pacto.

“Estou pronta para trabalhar com todos os membros do parlamento para concluir o Brexit”, disse. Um dia antes (15), ela sofreu o que vem sendo chamado de maior derrota de um primeiro-ministro no congresso, com a rejeição do “divórcio”.

Depois da votação desta quarta, Jeremy Corbyn, do Partido Trabalhista e um dos principais opositores a May, pediu que ela evite uma saída da União Europeia “em qualquer cenário futuro” sem que haja um acordo com o bloco.

Antes da reunião, parlamentares estavam divididos em três correntes: os apoiadores do pacto (especialmente o Partido Conservador, de May), os favoráveis a um novo acordo (como Corbyn) e um grupo que deseja sair da UE sem nenhum acordo.

*Com informações do Estadão Conteúdo