Flávio Bolsonaro registra boletim de ocorrência contra Ivan Valente

Senador prestou queixa contra deputado do PSOL por suposta ‘denunciação caluniosa’ e citou ações semelhantes a outros membros da família, como o presidente Jair Bolsonaro e seu irmão, Renan

  • Por Jovem Pan
  • 06/04/2021 20h30 - Atualizado em 06/04/2021 22h16
DIDA SAMPAIO/ESTADÃO CONTEÚDO - 24/02/2021No documento, Flávio diz que o intuito de Valente com o pedido é “atacar e destruir” sua reputação

O senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) registrou um boletim de ocorrência contra o deputado Ivan Valente (PSOL-SP) por suposta “denunciação caluniosa” por parte do parlamentar. O boletim foi registrado no fim da tarde desta terça-feira, 6, pouco menos de um dia depois de Flávio ter ficado sabendo da denúncia através de uma matéria veiculada pela TV Globo. No boletim, o senador diz que Valente é autor de um pedido de investigação ao Ministério Público (MP) por conta de um empréstimo obtido junto ao Banco de Brasília para a compra de uma imóvel que, segundo Flávio, ocorreu de forma “absolutamente legítima”. No documento, Flávio diz ainda que o intuito de Valente com o pedido é “atacar e destruir” sua reputação por “motivos ideológicos e políticos”.

Em outro trecho do boletim de ocorrência, o senador diz que Valente e “outros parlamentares do PSOL e de esquerda”, vem agindo da mesma forma com membros de sua família, citando seu pai, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), e seu irmão mais novo, Renan Bolsonaro, 22, que teria sido vítima do mesmo “crime” por parte de Valente. Por fim, Flávio diz que o caso deve ser analisado dentro do contexto citado, uma vez que Valente estaria cometendo “prática rotineira” contra membros da família Bolsonaro e sendo seguido por “outros deputados de esquerda”.