Moraes manda PF ouvir Abraham Weintraub após declarações sobre o STF

Magistrado também enviou um ofício ao YouTube para que a empresa disponibilize, em até 48 horas, a íntegra da entrevista do ex-ministro da Educação

  • Por Jovem Pan
  • 24/01/2022 19h05
DIDA SAMPAIO/ESTADÃO CONTEÚDO Abraham Weintraub Abraham Weintraub

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes determinou que a Polícia Federal ouça o ex-ministro da Educação Abraham Weintraub, em até cinco dias, sobre declarações contra ministros da Corte. O magistrado também enviou um ofício ao YouTube para que a empresa disponibilize, em até 48 horas, a íntegra da entrevista de Weintraub publicada no canal “Cortes do Inteligência, onde ocorreram as falas.” Na ocasião, o antigo chefe do MEC acusou um dos ministros da Corte de parcialidade, sem citar nomes. Moraes afirmou que o ex-ministro divulgou “diversas informações falsas acerca da atuação do STF e de condutas relacionadas a um de seus membros” e ressaltou que as declarações de Weintraub se assemelham às investigadas no inquérito das fake news.