PSDB diz que testes em novo aplicativo de votação não foram ‘totalmente satisfatórios’

Partido fará mais tentativas com outras empresas contratadas; prévias eleitorais começaram no último domingo, mas foram interrompidas por falhas no sistema eletrônico de votação

  • Por Jovem Pan
  • 24/11/2021 10h46 - Atualizado em 24/11/2021 10h52
DIDA SAMPAIO/ESTADÃO CONTEÚDOEduardo Leite, João Doria e Arthur Virgílio disputam as prévias do PSDB por candidatura à presidência

Na manhã desta quarta-feira, 24, o PSDB divulgou uma nota informando que os testes feitos no novo aplicativo de votação das prévias eleitorais “não foram totalmente satisfatórios”. A legenda deve iniciar mais testes com outras empresas contratadas, a fim de chegar a uma situação em que seja possível concluir o processo eleitoral com segurança e transparência. “Em relação à empresa de votação eletrônica para as prévias do PSDB, os testes realizados durante toda noite e madrugada não foram totalmente satisfatórios. Em reuniões confirmadas já para o início dessa manha, o PSDB e campanhas já programam testes com nova empresa. Outras entidades também já estão contatadas”, diz o texto divulgado pelos tucanos.

As prévias do PSDB vão definir o candidato oficial do partido à Presidência da República em 2022. A votação começou no último domingo, 21, mas foi suspensa por causa de problemas de instabilidade detectados no primeiro aplicativo utilizado, por onde a maior parte dos mais de 44 mil inscritos nas prévias escolheriam seu candidato. Concorrem ao posto de pré-candidato os governadores do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, e de São Paulo, João Doria, além do ex-prefeito de Manaus, Arthur Virgílio.