Sebastião Melo e Manuela D’Ávila levam disputa em Porto Alegre para o 2º turno

Em resultado apertado, ex-vice-prefeito venceu a candidata do PCdoB por 31% contra 29%

  • Por Jovem Pan
  • 15/11/2020 23h18 - Atualizado em 29/11/2020 16h38
Montagem/ReproduçãoManuela D'Ávila (PCdoB) e Sebastião Melo (MDB) disputam comando da Prefeitura de Porto Alegre

O ex-vice-prefeito de Porto Alegre, Sebastião Melo (MDB) venceu neste domingo a disputa pela Prefeitura da capital gaúcha com 31% dos votos, e disputará o segundo turno com Manuela D’Ávila (PCdoB), que alcançou 29% dos eleitores. O atual mandatário da capital do Rio Grande do Sul, Nelson Marchezan Júnior (PSDB), encerrou a disputa na terceira colocação, com 21% dos votos. O resultado contradiz a pesquisa Ibope divulgada neste sábado, 14, que apontava a candidata do PCdoB com 40% das intensões de voto, contra 25% de Melo, e 15% de Marchezan Júnior. Todas as urnas foram apuradas até as 22h54min, segundo divulgou o Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Natural de Goiás, Sebastião Melo se mudou para Porto Alegre em 1978. Ele estreou na política como vereador, nas eleições de 2000, sendo reeleito em 2004 e 2008. Ele foi apontado pelo MDB como vice na chapa encabeçada por José Fortunati (PDT), eleita na disputa de 2012. No pleito seguinte ele saiu candidato à Prefeito, mas encerrou a disputa na segunda colocação. Em 2018 ele foi eleito deputado estadual.Manuela ganhou notoriedade nacional em 2018, ao disputar a Presidência da Republica como vice do petista Fernando Haddad. A dupla perdeu no segundo turno para o atual presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Antes, a postulante do PCdoB já havia sido vereadora de Porto Alegre e deputada federal pelo Rio Grande do Sul por dois mandatos consecutivos. Esta é a terceira disputa dela pelo comando da capital gaúcha. Em 2008 ela ficou na terceira posição, e em 2012 encerrou a disputa em segundo lugar.