UE “irá explodir” se países não progredirem em ritmos diferentes, diz Hollande

  • Por Estadão Conteúdo
  • 06/03/2017 13h32
Presidente da França François Hollande

O presidente da França, François Hollande, afirmou que gostaria de ver uma União Europeia (UE) que permita que grupos ou os próprios países membros avancem em seu próprio ritmo. 

Em uma entrevista publicada nesta segunda-feira em seis jornais europeus, Hollande disse que alguns estados da UE devem ser capazes de progredir de forma mais rápida, se quiserem. “Do contrário, a Europa irá explodir”, acrescentou. 

Hollande apontou como prioridade a criação de uma defesa europeia. Na tarde desta segunda-feira (6), o presidente francês deve receber a chanceler da Alemanha, Angela Merkel, o primeiro-ministro da Espanha, Mariano Rajoy, e o primeiro-ministro da Itália, Paolo Gentiloni, em Versalhes, em uma reunião preparatória para um encontro maior entre membros do bloco ainda nesta semana.