Flavio Prado polemiza sobre interesse do São Paulo em Douglas Costa: ‘É pedir para se ferrar’ 

Apesar de levar no currículo uma trajetória interessante na Europa, onde passou por Bayern de Munique, Juventus e outros clubes, o meia-atacante não teve sucesso em seu retorno ao Tricolor gaúcho

  • Por Jovem Pan
  • 16/12/2021 11h03 - Atualizado em 16/12/2021 11h04
VICTOR LANNES/MYPHOTO PRESS/ESTADÃO CONTEÚDODouglas Costa está na mira do São Paulo

Em busca de jogadores para o setor ofensivo, o São Paulo está interessado em contratar o meia-atacante Douglas Costa, do Grêmio, informou o portal “UOL”, na noite da última quarta-feira, 15. Apesar de levar no currículo uma trajetória interessante na Europa, onde passou por Bayern de Munique, Juventus e outros clubes, o veterano não teve sucesso em seu retorno ao Tricolor gaúcho, colecionando lesões e polêmicas na campanha que culminou na queda para a Série B do Brasileirão. De acordo com o comentarista Flavio Prado, o negócio não seria algo favorável ao time do Morumbi.

“O São Paulo precisa de alguém para o departamento médico, né? O Benítez foi embora, então vai ser legal. O DM vai continuar em evidência. Trazer jogador assim é pedir para se ferrar. O Douglas Costa não jogou em time nenhum da Europa. Eu não estou dizendo que ele não é bom, eu digo que ele não consegue jogar. O Douglas não é atleta!”, disparou o jornalista, durante o programa “Canelada”, do Grupo Jovem Pan. “O que o São Paulo tem que o Grêmio não tem? Nada. E o Grêmio não conseguiu recuperá-lo. O cara se contunde muito. Eder e Benítez vivem a mesma situação no clube. Não quero o mal do cara, mas estou falando no histórico dele”, completou Flavio Prado.

Douglas Costa tem vínculo empregatício com o Grêmio até a metade de 2022, mas não deve renovar com o clube após protagonizar polêmicas. Às vésperas do jogo que selou o rebaixamento, o meia-atacante pediu para deixar a concentração para celebrar seu casamento, algo que foi vetado pela diretoria gremista. Na partida da queda para a Série B, ele deu adeus aos torcedores, ao comemorar um gol contra o Atlético-MG. Com alto salário, o veterano que representou a seleção na última Copa do Mundo também seria um problema para os cofres do clube gaúcho, que terá menos recursos na temporada 2022. Ontem, Diego Souza, Rafinha e Cortez se despediram do Imortal por questões financeiras.

Assista ao debate abaixo: