Vampeta: Sucesso do Flamengo mostra de quem é a culpa pela crise no Corinthians

Comentarista abriu o jogo e contou que procurou um amigo para tentar entender como o Corinthians se afundou em crise

  • Por Jovem Pan
  • 23/06/2020 14h51 - Atualizado em 23/06/2020 14h57
ReproduçãoO comentarista Vampeta é um dos integrantes da equipe de esportes da Rádio Jovem Pan

Em participação no Esporte em Discussão desta terça-feira, 23, o comentarista Vampeta abriu o jogo e contou que procurou Mário Teixeira, dono do Grêmio Osasco Audax e ex-executivo do Banco Bradesco, para tentar entender como o Corinthians chegou ao ponto atual, com dificuldades financeiras e intensa crise interna. Sincero como sempre, o pentacampeão mundial revelou o teor da conversa que teve com o dirigente. “Todo mundo sabe que eu era o presidente do Audax e que o dono do clube tem uma carreira num banco, uma vida de saber de números… E, curioso que sou, perguntei para ele: ‘Seu Mário, como é que o Corinthians chegou a esse ponto?’ Ele falou: ‘Vampeta, é administração. Um time que tem a torcida que o Corinthians tem não é para estar nessa dificuldade'”.

E o ex-jogador disse concordar com a análise do amigo. “É só ver… O Flamengo se organizou um pouco e está aí! O Seu Mário falou assim para mim: ‘time que tem torcida e boa administração nunca vai chegar ao ponto em que o Corinthians chegou’. É lógico que tem outros clubes no Brasil com problemas, mas a gente está falando do Corinthians… Pelo potencial e torcida que tem, não é para estar com essa dificuldade financeira toda. É administração”, afirmou Vampeta.

Nos últimos dias, o Corinthians, que, antes da pausa decorrente da pandemia de Covid-19, foi eliminado na Pré-Libertadores e sequer ocupava a zona de classificação para o mata-mata do Paulistão, viu-se envolvido em novos problemas. O clube chegou a atrasar salários pelo terceiro mês seguido, teve revelada uma subtração recorde no patrimônio líquido em 2019 e perdeu um dos patrocínios de camisa, complicando-se ainda mais financeiramente.

Confira o comentário completo de Vampeta no vídeo abaixo: