‘Flamengo não pode ficar a mercê de Jorge Jesus’, dispara Mauro Cezar

Durante o ‘Esporte em Discussão’, comentarista falou sobre postura do treinador português em negociações com o time carioca

  • Por Jovem Pan
  • 28/12/2021 17h21
Reprodução Youtube/ Estadão Conteúdo mauro cezar; jorge jesus

A terça-feira, 28, foi tumultuada no meio do futebol. Acertado com Paulo Sousa há alguns dias, o Flamengo viu Jorge Jesus deixar o comando do Benfica e ficar livre no mercado. Grande desejo da diretoria e da torcida rubro-negra, o técnico português agora é sondado pelo Atlético Mineiro, que também ficou sem treinador nesta terça. Mas a novela que se arrastou por semanas entre JJ e Flamengo não agradou a todos. Mauro Cezar Pereira, comentarista da Jovem Pan, soltou o verbo durante o programa ‘Esporte em Discussão’ e fez algumas críticas ao comportamento do português na negociação. “O Jesus não abriu mão da multa [rescisória com o Benfica]. Ele sabia que não teria vida longa lá, mas não queria abrir mão do dinheiro que ele iria receber, que é um direito que ele tem, mas não acho que o clube não pode esperar um profissional para sempre”, disse.

“Agora é fácil dizer ‘poderia ter esperado’ porque ele saiu, mas e se não tivesse saído? Se esperasse até o último jogo, dia 31 e ele não fosse demitido fazia o que no dia 2 de janeiro? Os caras tinham que tomar uma decisão. O Flamengo ficou ali numa posição que tinha que decidir e acho que fez uma escolha correta. Eu não concordo com a ideia de que um clube, seja ele qual for, fique esperando um profissional que o tempo todo fez o jogo que lhe convinha. O jogo do Jesus era ter os dois passarinhos voando, mas com uma cordinha em cada um. O Flamengo não podia ficar a mercê do Jorge Jesus”, completou. Para Mauro, a busca de clubes brasileiros na Europa só reforça que não somos mais uma ‘colônia’ e que o futebol daqui está evoluído.

“O Jesus tinha muito isso de ‘ar de colonizador’, olhar para gente aqui com inferioridade como se fossemos colônia até hoje. Em termos futebolísticos acho que continuamos por muito tempo por questões financeiras. Acho legal que o Flamengo tenha trazido o Jorge Jesus, o Palmeiras o Abel e agora o Flamengo com o Paulo Sousa. É dizer ‘tá bom Jorge Jesus, você não nos quer vamos atrás de outro’. Isso é uma demonstração de força de alguns clubes brasileiros e é bom”, finalizou. Assista abaixo a íntegra do comentário de Mauro Cezar sobre a saída de JJ do Benfica e sua negociação com o Flamengo: