Flavio Prado defende Neymar após vice na Copa América e festa no RJ 

O comentarista rebateu o apresentador Fred Ring e o repórter Marcio Spimpolo, que criticaram o camisa 10 da seleção brasileira por ter feito uma balada após chorar no gramado do Maracanã

  • Por Jovem Pan
  • 12/07/2021 15h16 - Atualizado em 12/07/2021 15h47
Montagem sobre fotos/Reprodução/Jovem Pan/EFE/Antonio LacerdaFlavio Prado e Marcio Spimpolo discutiram sobre a conduta de Neymar após vice na Copa América

O primeiro “Esporte em Discussão” após o vice-campeonato do Brasil na Copa América foi marcado por um forte bate-boca. Ao longo do programa do Grupo Jovem Pan, na tarde desta segunda-feira, 12, o apresentador Fred Ring e o repórter Marcio Spimpolo criticaram Neymar, que depois de ter chorado no gramado do Maracanã com a derrota para a Argentina, organizou uma festa em uma mansão no Rio de Janeiro com show da cantora Ludmilla. O primeiro classificou a situação como “ridícula”, enquanto o segundo afirmou que o craque “errou duas vezes”. Ainda assim, o comentarista Flavio Prado saiu em defesa do camisa 10 da seleção brasileira, gerando revolta entre os colegas de bancada.

“Vocês queriam que ele ficasse chorando? Se você fizesse um programa que não deu audiência, você não iria comer nem dormir? É a mesma coisa! O trabalho dele acabou ali em campo. Eu não teria cancelado a festa também. É o trabalho dele, é um jogo de futebol. Você tem que ser justo: é só o Neymar, o Gabigol e o Jô que estão saindo durante a pandemia? E os outros?  Isso é bobagem! Quem não faria uma festa com a Ludmilla? Eu não sou a favor de festa durante pandemia. Agora, não pode ter tratamento diferenciado porque o cara é famoso. Estavam demorando para colocar a culpa no Neymar. Normalmente, é só no Tite”, disse Flavio Prado ao ser questionado sobre o tema.

Assista ao debate abaixo: