Pesquisa aponta que 22% dos brasileiros deixam de pagar tarifa de energia para comprar alimentos básicos

Estudo do Ipec feito para o Instituto Clima e Sociedade ouviu mais de 2 mil pessoas no mês de novembro de 2021; Nordeste e Centro-oeste são regiões mais afetadas

  • Por Jovem Pan
  • 24/01/2022 12h47 - Atualizado em 24/01/2022 12h49
Marcelo Camargo/Agência Brasil) Marcelo Camargo/Agência Brasil Brasileiros tem deixado de pagar conta de luz para comprar alimentos básicos

Com o aumento da conta de luz, 22% dos brasileiros estão deixando de pagar a tarifa para poderem ir ao supermercado, comprar alimentos básicos. É o que aponta uma pesquisa do Ipec para o Instituto Clima e Sociedade realizada com mais de 2 mil brasileiros, no mês de novembro de 2021. As altas seguidas na conta de luz comprometem neste momento metade da renda de um quarto dos brasileiros de baixa renda – que recebem até 5 salários mínimos por mês. As populações do Nordeste e do Centro-oeste são a mais comprometidas, onde 28% e 27% das pessoas, respectivamente, deixaram de pagar a conta de luz para se alimentar. Em comparação, a parcela mais rica da sociedade tem apenas 2% da renda total comprometida pela conta de luz. Para tentar se manter em dia com o pagamento da conta de luz, 40% dos brasileiros reduziu gastos com roupas, sapatos e eletrodomésticos; 22% reduziu na alimentação; 16% em itens de limpeza; 14% em itens de higiene e beleza; 14% decidiram atrasar outras contas, como de gás; e 13% acharam melhor reduzir gastos com remédios.

*Com informações da repórter Beatriz Manfredini