Advogados de Witzel têm até segunda-feira para apresentar defesa contra impeachment

Peça deve ser analisada pelo relator da comissão mista, o deputado Waldeck Carneiro, do PT do Rio de Janeiro

  • Por Jovem Pan
  • 17/10/2020 11h06 - Atualizado em 17/10/2020 13h27
MAGA JR/O FOTOGRÁFICO/ESTADÃO CONTEÚDOWilson Witzel é acusado de crime de responsabilidade, fraudes e irregularidades

Os advogados do governador afastado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, têm até o início da próxima semana para apresentar a defesa no processo de impeachment, que está sob análise de uma comissão mista formada por deputados e desembargadores. O prazo para apresentação começou a contar na última semana e vai até a próxima segunda-feira, 19. Wilson Witzel é acusado de crime de responsabilidade, fraudes e irregularidades, principalmente em compras e contratações do estado durante a pandemia do novo coronavírus.

Após a entrega da defesa, o relator da comissão mista, formada por cinco deputados e cinco desembargadores, deputado estadual Waldeck Carneiro (PT-RJ), terá dez dias corridos para apresentar o relatório. Ao que tudo indica, o parecer do petista deve ser favorável à continuidade do impeachment do governador. O relatório será votado e precisa de maioria simples (seis dos dez votos) para ter continuidade. Segundo fontes da Jovem Pan, os cinco deputados defenderão a cassação do mandato de Wilson Witzel “até o fim”. A defesa estaria apostando as fichas do lado dos desembargadores. A comissão continuará a investigar supostos delitos cometidos pelo governador até o final de janeiro.

*Com informações do repórter Rodrigo Viga