Alerj define nesta terça deputados para julgamento final de Witzel

Os outros cinco nomes já foram escolhidos pelo Tribunal da Justiça, na segunda, por sorteio

  • Por Jovem Pan
  • 29/09/2020 08h43 - Atualizado em 29/09/2020 11h06
WILTON JUNIOR/ESTADÃO CONTEÚDOA Comissão Mista é composta por 10 nomes e vai avaliar se Witzel cometeu crime de responsabilidade

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Edson Fachin, negou nesta segunda-feira (28) mais um pedido da defesa do governador afastado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, para voltar ao cargo. Foram varias tentativas negadas pela Justiça, deixando Witzel cada vez mais distante no Palácio do Guanabara. Witzel foi afastado inicialmente pelo STJT, decisão ratificada pela Corte Especial e na semana passada, pela Alerj. Nessa terça, a Assembleia Legislativa vai escolher os deputados que vão compor o tribunal misto que vai decidir ou não pela cassação dele.

Seis deputados postulam o cargo na Comissão, mas só tem cinco vagas. Os 70 deputados podem escolher cinco nomes e os mais votados vão fazer parte. Os outros cinco nomes já foram escolhidos pelo Tribunal da Justiça na segunda por sorteio — serão três homens e duas mulheres. Dois desembargadores, porém, pediram para ficar de fora porque tem parentes trabalhando no governo. A Comissão Mista é composta por 10 nomes e vai avaliar se Witzel cometeu crime de responsabilidade. São necessários, pelo menos, sete votos.

*Com informações do repórter Rodrigo Viga