Biden e Trump voltam a trocar acusações após violência em atos

Donald Trump disse que Joe Biden tem responsabilidade sobre o que está acontecendo no país

  • Por Jovem Pan
  • 01/09/2020 06h34 - Atualizado em 01/09/2020 08h40
Chris Kleponis/EFEO democrata atacou o republicano, acusando-o de inflamar as manifestações

Os principais candidatos à presidência dos Estados Unidos voltaram a trocar acusações sobre os intensos protestos. Recentemente, as manifestações contra o racismo tiveram episódios de violência. O presidente Donald Trump disse que Joe Biden tem responsabilidade sobre o que está acontecendo no país. Pela primeira vez como candidato oficial pelo partido Democrata, Biden criticou os casos violentos registrados nos protestos. Ele disse que “baderna, vandalismo e atear fogo” não são formas de protesto e reiterou que “violência não trará mudanças, só destruição”.

O democrata atacou o republicano, acusando-o de inflamar as manifestações e disse: ele não quer trazer a luz, ele quer produzir calor e está gerando violência nas nossas cidades. ele não consegue parar a violência porque ele a tem alimentado por anos”. Trump respondeu, afirmando que o democrata está “acusando a polícia bem mais do que, segundo ele, os baderneiros, anarquistas e vândalos” e que Biden não os culpa para não “perder o apoio da esquerda radical”. O primeiro discurso oficial de Joe Biden como candidato à presidência foi na cidade de Pittsburgh, na Pensilvânia, um dos colegiados mais importantes e onde os dois candidatos têm boas chances de vitória. A ascensão dos confrontos entre policiais e manifestantes tem se acirrado e ganhado proporções maiores depois que um ativista apoiador do partido Republicano foi baleado e morto em Portland.

*Com informações da repórter Camila Yunes