Câmara realiza audiência pública sobre volta do horário de verão nesta semana

Empresários de setores como turismo e bares e restaurantes encaminharam uma carta ao presidente Jair Bolsonaro pedindo que a mudança no relógio aconteça ainda em 2021

  • Por Jovem Pan
  • 20/09/2021 10h59
Cleia Viana/Câmara dos DeputadosA Câmara dos Deputados vai analisar os pedidos de retorno do horário, que foi extinto em 2019 pelo presidente Jair Bolsonaro

A Câmara dos Deputados realiza nesta quarta-feira, 22, uma audiência pública para debater a volta do horário de verão. Com a falta de chuvas e a crise energética, muitos setores têm se mostrado receosos com a possibilidade de racionamento. Por isso, a Casa vai analisar os pedidos de retorno do horário, que foi extinto em 2019 pelo presidente Jair Bolsonaro. Na ocasião, ele afirmou que não havia benefício econômico em adiantar os relógios em uma hora durante as estações de primavera e verão. O deputado João Carlos Bacelar diz que no fim do mês de junho, empresários de setores como turismo e bares e restaurantes encaminharam uma carta ao presidente pedindo a volta do horário de verão ainda em 2021. O entendimento é que a mudança no relógio pode impactar positivamente nos negócios. Alguns especialistas acreditam que o horário de verão pode reduzir quase 5% o consumo de energia no final da tarde. Para a audiência desta quarta-feira, foram convidados o economista Claudio Frischtak, professor do Instituto de Economia da UFRJ , Nivalde de Castro, e um representante do Ministério de Minas e Energia.

*Com informações da repórter Camila Yunes