Comissão da Covid-19 ouvirá governadores sobre compra descentralizada de vacinas

Calendário tem ainda nesta segunda-feira reunião entre Flávio Dino, Wellington Dias, Reinaldo Azambuja e Gean Loureiro

  • Por Jovem Pan
  • 09/05/2021 09h32
MATEUS BONOMI/AGIF/ESTADÃO CONTEÚDOFlávio Dino será um dos governadores ouvidos em comissão

A comissão temporária da Covid-19 ouvirá nesta segunda-feira, 10, três governadores e um prefeito para falar da administração da pandemia a nível estadual e municipal tratando de assuntos como a compra de vacinas de forma descentralizada. Segundo o cronograma do Senado, devem participar da reunião os governadores do Piauí, Wellington Dias (PT); do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB); e de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB). Além dos governadores, o prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro (DEM), que é presidente do Conselho Nacional de Vacinas das cidades brasileiras, grupo com participação de 2,6 mil municípios, também deve ser ouvido. Além da compra de vacinas, os convidados devem abordar as dificuldades que vêm sendo enfrentadas pelos entes federados, o estágio da pandemia nos estados e o progresso do cronograma de vacinação. A comissão já tem definido o cronograma de todo o mês de maio: serão ouvidos em audiências públicas remotas os ministros Marcelo Queiroga, da Saúde; Paulo Guedes, da Economia; Carlos Alberto Franco França, das Relações Exteriores, e Marcos Pontes, da Ciência, Tecnologia e Inovações. Além deles, representantes da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), embaixadores e profissionais da saúde também deverão falar.

*Com informações do repórter Fernando Martins