Doria diz que ‘escalonamento’ da vacina na capital não deve atrapalhar o cronograma estadual

Segundo o governador, a decisão do prefeito Ricardo Nunes foi compartilhada e aprovada pela gestão estadual

  • Por Jovem Pan
  • 16/06/2021 06h53 - Atualizado em 16/06/2021 10h06
YURI MURAKAMI/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDOJoão Doria voltou a afirmar que toda a população adulta do Estado será vacinada até 15 de setembro

O escalonamento da vacinação contra a Covid-19 na capital não deve atrapalhar o cronograma estadual. O governador de São Paulo, João Doria, garantiu que a medida adotada pela prefeitura de fracionar a aplicação das vacinas nos próximos grupos, não vai afetar o calendário. “A decisão foi coerente, foi cuidadosa, foi zelosa para evitar filas nos postos de vacinação da Prefeitura de São Paulo. O prefeito Ricardo Nunes compartilhou essa sugestão conosco, nós apoiamos e aprovamos para que pudesse ser realizada em um prazo de uma semana estartndo as faixas etárias fracionadas para oferecer mais conforto, funcionalidade, evitar filas e das uma previsibilidade tranquila. A diferença foi de apenas seis dias”, afirmou nesta terça-feira, 15. O governador ainda disse que a medida deve evitar filas e voltou a afirmar que toda a população adulta do Estado será vacinada até 15 de setembro.

A afirmação foi feita durante inauguração do terminal metropolitano de ônibus de Carapicuíba. A obra tem um investimento de mais de R$ 29 milhões e deve, segundo o tucano, impactar até 100 mil passageiros. Ao todo, são mais de 100 ônibus com 17 linhas que vão operar no terminal. O local também tem interligação com os trens da CPTM. A cuidadora de idosos, Fátima Oliveira, mora em Carapicuíba e trabalha na Lapa, em São Paulo. Ela conta que, com o terminal, a oferta de linhas para o trajeto dela aumentou.

“Tinha que vim e ir pra lá para o outro lado para pegar o ônibus e agora são dois, fica bem melhor. Para mim e para todo mundo que mora aqui”, pontuou. O local integra o corredor Itapevi – São Paulo, que ainda está em construção. Durante a inauguração, o governador João Doria também prometeu que as obras do rodoanel serão retomadas ainda neste mês, sendo que a primeira parte fica pronta ano que vem e a segunda etapa no final de 2023. Para este ano, o governo estadual destinou R$ 21 bilhões para o setor de obras e serviços.

*Com informações da repórter Carolina Abelin