Familiares e vítimas de desabamento em Surfside vão receber indenização de US$ 150 milhões, diz juiz

Michael Hanzman deixou claro que esse valor corresponde a apenas um processo; até o momento, 97 corpos foram retirados dos escombros

  • Por Jovem Pan
  • 22/07/2021 07h55 - Atualizado em 22/07/2021 10h48
EFE/EPA/CRISTOBAL HERRERA-ULASHKEVICHO prédio que desabou tinha 12 andares que compunham um bloco inteiro na beira-mar

Os familiares e vítimas do desabamento do Champlain Towers South, que aconteceu no dia 24 de junho, em Miami, nos Estados Unidos, devem receber uma indenização de cerca de US$ 150 milhões. A decisão foi tomada na tarde da quarta-feira, 21, pelo juiz da corte de Miami-Dade Michael Hanzman. O montante, de acordo com ele, inclui o seguro do condomínio e o valor de mercado de cada propriedade. O prédio que desabou tinha 12 andares que compunham um bloco inteiro na beira-mar. A outra parte do prédio foi demolida por questões de segurança.

Michael Hanzman deixou claro que esse valor corresponde a apenas um processo, mas existem outros inúmeros correndo de forma simultânea em diferentes instâncias. Até o momento, 97 corpos foram retirados dos escombros — 96 deles foram investigados. Os oficiais trabalham com a possibilidade de mais 95 pessoas desaparecidas. O prefeito de Miami Beach, Dan Gelber, cidade vizinha a Surfside, ofereceu um terreno para a construção de um memorial em homenagem às vítimas. A prefeita de Miami Dade, Daniella Levine Cava, segue avaliando a possiblidade.

*Com informações do correspondente Eliseu Caetano