Governo federal lança campanha sobre a força da mulher no Brasil

Cerimônia estava sob comando da ministra Damares Alves, que ressaltou a importância das pequenas empreendedoras

  • Por Jovem Pan
  • 09/03/2021 06h42
Gabriela Biló/Estadão ConteúdoA Polícia Civil deflagrou a Operação Resguardo, que prendeu cerca de 800 suspeitos de violência de gênero

E foi nesta segunda-feira, 8, no Dia Internacional da Mulher, que o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos lançou um plano de integração entre a pasta e a área da cidadania. O projeto piloto faz parte da campanha intitulada A Força da Mulher Brasileira Impulsiona o País. Ele consiste na qualificação de mulheres para o mercado de trabalho. A cerimônia estava sob comando da ministra Damares Alves, que ressaltou a importância das pequenas empreendedoras.

“Nesse novo Brasil, nesse novo normal que nos aguarda, a mulher vai ser responsável por toda a movimentação econômica do país.” O decreto conta com uma série de medidas para incentivar a autonomia financeira e afastar estas trabalhadoras de situações de vulnerabilidade, como a violência doméstica. A fim de minimizar estas ações, a Polícia Civil deflagrou a Operação Resguardo, que prendeu cerca de 800 suspeitos de violência de gênero.

A ministra elogiou a condução das prisões. “Eu acordo hoje de manhã, nas ruas, com o Ministério da Justiça prendendo agressor de mulher. Sim, essa é uma ministra dos Direitos Humanos que prende, sim. Até o final da tarde quero que chegue em 11 mil presos.” O evento também contou com as deputadas federais Carla Dickson, Bia Kicis e Professora Dorinha, líder da bancada feminina na Câmara.

*Com informações da repórter Beatriz Carapeto