Índice de confiança da indústria supera média histórica e atinge maior patamar em 2021

Taxa chegou a 63,2 pontos após o quarto mês consecutivo de avanço; no entanto, aumento dos insumos e falta de componentes para produção impactam segmentos

  • Por Jovem Pan
  • 13/08/2021 10h38 - Atualizado em 13/08/2021 18h12
EFE/EPA/VASSIL DONEV Setores da construção civil, máquinas e equipamentos, embalagens, farmacêutico e automobilístico registram a retomada mais forte entre as atividades

O índice de confiança da indústria superou a média histórica e atingiu o maior patamar em 2021, chegando a 63,2 pontos. Foi o quarto mês consecutivo de avanço, de acordo com a Confederação Nacional da Indústria (CNI), após sondagem com 1.477 empresários de pequeno a grande porte, explica o gerente de análise econômica, Marcelo Azevedo. “O empresário está percebendo uma melhora nas duas condições de negócios, expectativas são muito otimistas e isso pode ser traduzido no futuro em mais investimentos, mais produção e mais emprego”, relata. Os setores da construção civil, máquinas e equipamentos, embalagens, farmacêutico e automobilístico registram a retomada mais forte das atividades, mas o aumento dos insumos e falta de componentes para produção impactam segmentos, que poderiam ter um desempenho ainda mais forte em 2022.

*Com informações do repórter Marcelo Mattos