Itália registra maior número de novas infecções pela Covid-19 desde maio 

Segundo o Ministério da Saúde italiano, a média semanal de novos casos é de 555, um aumento de 28% em relação à semana anterior

  • Por Jovem Pan
  • 21/08/2020 07h29 - Atualizado em 21/08/2020 08h20
EFE/EPA/CESARE ABBATEAlemanha também vê os casos aumentarem, com 1.707 novos registros em 24 horas, número mais alto desde abril

A Itália registrou 845 novas infecções por coronavírus nesta quinta-feira, 20, um recorde diário desde maio, quando o país ainda estava em bloqueio total. De acordo com o Ministério da Saúde italiano, a média semanal de novos casos é de 555, um aumento de 28% em relação à semana anterior. A Alemanha também vê os casos aumentarem, com 1.707 novos registros em 24 horas, número mais alto desde abril. A pandemia foi um dos temas do encontro desta quinta-feira entre a chanceler alemã, Angela Merkel, e o presidente da França, Emmanuel Macron.

Na ocasião, Macron disse que existem perspectivas razoáveis para uma vacina contra a Covid-19 nos próximos meses, uma vez que várias estão na fase 3 de testes. O presidente francês enfatizou o esforço da Comissão Europeia nas negociações com a indústria farmacêutica para desenvolver e distribuir a vacina aos países do bloco. Nesta semana, a França também registrou o maior número de casos da doença desde o fim da quarentena na maior parte do país.

*Com informações da repórter  Lívia Fernanda