Líder do PT diz que bancada ainda se divide sobre apoio a Baleia

Candidato que deverá tomar lugar de Rodrigo Maia na Câmara dos Deputados deve ser escolhido por partidos nos próximos meses; PT está dividido

  • Por Jovem Pan
  • 01/01/2021 07h03
Fortuna do terreno vai para proprietário

O líder do Partido dos Trabalhadores (PT) na Câmara, Ênio Verri, avalia que apesar de a candidatura do deputado Baleia Rossi, do MDB, ter recebido o apoio do bloco formado por 11 partidos da oposição, inclusive do partido dos trabalhadores, na bancada é possível encontrar posições divergentes sobre quem seria o nome ideal para substituir a presidência de Rodrigo Maia (DEM) na Casa. Enquanto parte das pessoas acredita que lançar um candidato pela esquerda é a solução, outra parte aposta no nome de Rossi. “O melhor caminho para nós é vencermos o candidato do Bolsonaro e lutarmos para que tenhamos nos próximos dois anos uma pauta o mais democrática e progressista possível. Por isso o melhor caminho seria apoiar o Baleia Rossi”, afirma o líder do PT.

Verri nega que tenha feito solicitações como a do impeachment de Bolsonaro e propostas contra a privatização em troca de apoio ao deputado do MDB. “A gente fez uma carta onde acentua a importância de uma Câmara dos Deputados que lute pelo interesse do povo brasileiro e que se necessário se coloque á frente perante uma grande crise como foi essa que tivemos neste ano”, lembrou. Ele garantiu que Baleia Rossi concordou em tudo apontado no documento. A concordância do público com a governança de Bolsonaro dentro da maior bancada da Câmara também é positiva. O MDB democrata, e PSDB, e cidadania tem concepção diferente para a economia então eles vão ver o que será possível construir”.

“Tem divergências nas pautas, por que o MDB, democrata, e PSDB, e cidadania tem concepção diferente para a economia, então eles vão ver o que será possível construir”, afirmou. A bancada do PT é a maior da câmara dos deputados, com um total de 54 parlamentares. O bloco dos 11 partidos de oposição soma 269 votos. O tamanho das bancadas é fundamental na atuação parlamentar, e pode determinar a vitória na presidêncial. Até o momento, a disputa está concentrada entre Baleia Rossi, apoiado por Maia, e Arthur Lira, nome do Centrão, chancelado pelo planalto.

*Com informações da repórter Caterina Achutti