Mais de 100 escolas fecham as portas no Rio por casos de Covid-19, diz sindicato

A Prefeitura nega a informação; 5% dos alunos do 9º ano e supletivo retomaram as atividades no dia 17

  • Por Jovem Pan
  • 24/11/2020 07h07 - Atualizado em 24/11/2020 07h07
EFE/EPA/FELIPE TRUEBAPara especialistas, em 2021, com a possiblidade de uma vacina, alunos e professores terão que recuperar o tempo perdido

O Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação do Rio de Janeiro (Sepe) informou que mais de 103 escolas fecharam as portas por causa de casos de Covid-19 ou suspeitos da doença. A Prefeitura nega categoricamente a informação. A rede municipal tem quase 430 escolas públicas. Segundo os profissionais de ensino do Sepe, eles foram contra a volta as aulas presenciais na semana passada. Por dia, foram quase 15 colégios que estão fechando as portas por causa dos casos.

As aulas presenciais foram retomadas na rede pública da cidade no último dia 17 para alunos no 9º ano e também do supletivo. Mesmo assim, com a volta presencial, a adesão tem sido muito baixa no município. Dos 61 mil alunos dessas duas categorias, apenas 5% voltaram efetivamente. Muitos tem medo do coronavírus e acham que não vale a pena correr risco faltando tão pouco tempo para o fim do ano letivo. Para especialistas, em 2021, com a possiblidade de uma vacina, alunos e professores terão que recuperar o tempo perdido. O Estado do Rio de Janeiro tem 22.028 óbitos confirmados até agora pela Covid-19 e totaliza 338.688 pessoas infectadas.

*Com informações do repórter Rodrigo Viga