Nego do Borel é indiciado com base na Lei Maria da Penha por violência doméstica

Agressões teriam acontecido contra a ex-namorada e assessora de imprensa Swellen Sauer

  • Por Jovem Pan
  • 22/07/2021 07h15 - Atualizado em 22/07/2021 10h48
Reprodução/Instagram/negodoborelNego do Borel também foi acusado de agressão por uma outra ex-namorada, Duda Reis, que também chegou a acusá-lo de estupro

O cantor Leno Maycon Viana Gomes, conhecido no meio artístico como Nego do Borel, foi indiciado pela policia do Rio de Janeiro com base na Lei Maria da Penha por agressões a uma ex-namorada que já foi assessora de imprensa dele no início da carreira em 2013. A Delegacia de Atendimento à Mulher (DEAM) em Jacarepaguá, na zona oeste do Rio, indiciou o cantor por violência doméstica. A vítima, autora das acusações, é a ex-namorada dele Swellen Sauer. Ela alega que, em uma das discussões com o cantor, levou socos na cintura. Em outra ocasião, chegou a ser enforcada com o fio do carregador do celular. O cantor nega todas as acusações de agressões e diz que só vai se manifestar quando a defesa dele tiver acesso pleno ao inquérito sobre o caso. Nego do Borel também foi acusado de agressão por uma outra ex-namorada, Duda Reis, que também chegou a acusá-lo de estupro. O Ministério Público do Rio de Janeiro deve se manifestar em breve sobre o primeiro indiciamento.

*Com informações do repórter Rodrigo Viga