Papa Francisco pede oração para 317 meninas sequestradas na Nigéria

O crime aconteceu na sexta-feira, 26, em um colégio interno em Jangebe, no estado de Zamfara

  • Por Jovem Pan
  • 01/03/2021 08h26 - Atualizado em 01/03/2021 08h27
EFE/EPA/VATICAN MEDIA Papa Francisco O pontífice afirmou que se une aos bispos do país e pediu que os católicos rezem para que as jovens voltem rapidamente para casa

Depois da tradicional oração do Angelus, o Papa Francisco condenou o que chamou de ‘vil’ o sequestro de 317 adolescentes na Nigéria. O pontífice afirmou que se une aos bispos do país e pediu que os católicos rezem para que as jovens voltem rapidamente para casa. O crime aconteceu na sexta-feira, 26, em um colégio interno em Jangebe, no estado de Zamfara. Cerca de 50 jovens conseguiram escapar dos bandidos, de acordo com as autoridades locais.  Eles entraram na escola por volta da uma hora da manhã e estavam fortemente armados. A polícia suspeita que as jovens tenham sido levadas para uma floresta perto da cidade. Este é o segundo sequestro em massa de estudantes na Nigéria em pouco mais de uma semana. No dia 17 de fevereiro, 42 pessoas, entre elas alunos, professores e parentes, foram levados pelos sequestradores na localidade de Kagara, no estado de Níger. Neste sábado, 27, autoridades locais disseram que as 42 vítimas foram libertadas.

*Com informações da repórter Nicole Fusco