Apoio a políticas públicas de habitação são solução definitiva, diz prefeito de Santos após chuvas

  • Por Jovem Pan
  • 04/03/2020 10h09
NAIR BUENO/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDODeslizamentos em decorrência das chuvas deixaram mortos na Baixada Santista

Paulo Alexandre Barbosa, o prefeito de Santos, em entrevista ao Jornal da Manhã, afirmou que as politicas públicas de habitação são a “solução definitiva” para a questão das mortes em decorrência das fortes chuvas. Segundo balanço desta quarta-feira, são ao menos 19 mortos e 29 desaparecidos na Baixada Santista em decorrência dos temporais.

“O importante é construir casas e apartamentos que possam abrigar com segurança a população, é preciso recurso, política pública de habitação, essa é a solução definitiva”, afirmou Barbosa.

O prefeito citou a limitação de recursos aos municípios, além de reforçar que “investimentos são essencias”. No entanto, ele destacou que a chuva mostra uma necessidade de adequação às mudanças climáticas. “Estivemos diante da maior chuva dos últimos 81 anos, a gente tem uma Defesa Civil ativa, com mapeamento das áreas de risco, no fim do ano removemos 100 famílias em áreas de risco, a tragédia poderia ter sido muito maior, lamentamos porque a vida é o maior bem que temos.”

Para os próximos passos, Barbosa disse que todos os esforços, até o momento, estão em concluir as ocorrências em andamento, a fim de se encontrar as pessoas desaparecidas.

“Teremos um levantamento mais preciso dos valores que serão necessários para que a gente possa reconstruir algumas partes da cidade, a gente tem tido bastante diálogo com o ministro Rogério Marinho e o governador João Doria. Vamos atuar para que a Baixada Santista possa receber investimentos e retomar a normalidade”, completou.