Simone Tebet se reúne com Bivar e nega ‘congestionamento’ na 3ª via

Encontro com o futuro presidente do União Brasil faz parte da agenda da pré-candidata ao Planalto

  • Por Jovem Pan
  • 16/12/2021 06h40
MATEUS BONOMI / AGIF - AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA / ESTADÃO CONTEÚDO Mulher em fala em frente a dois microfones; placa à frente diz 'Simone Tebet, uma nova esperança para o Brasil' Senadora deve se reunir com PSDB e Novo até o fim desta semana; para ela, o centro democrático está alinhado

Em conversa com o futuro presidente do União Brasil, Luciano Bivar (PSL) e o deputado Baleia Rossi (MDB), a senadora Simone Tebet afirmou que o novo partido, resultado da fusão entre PSL e DEM, fará parte do pacto do centro democrático na eleições de 2022. Ela disse que não vê um congestionamento da terceira vida, grupo que tenta crescer nas pesquisas como uma alternativa a Jair Bolsonaro e Lula, que dominam as intenções de voto.  “Estamos todos em uma mesma corrente, se não tivermos essa capacidade de convergência morremos todos afogados”, afirmou. O encontro faz parte da agenda da pré-candidata ao Planalto com representantes de partidos para discutir o cenário pré-eleitoral.

A senadora deve se reunir com PSDB e Novo até o fim desta semana. Para ela, o centro democrático está alinhado e a pré-candidatura dela é política, já que é a única mulher na disputa até o momento. “Lamento que tenhamos um Congresso com poucos negros, com poucas mulheres, a dificuldade da mulher mais humilde e do homem mais humilde de ascender na política mesmo que queira. É importante também em uma reforma politica rever isso, mas hoje o meu padrão não é diferente dos candidatos do sexo masculino à presidência da República”, afirmou. As reuniões e Tebet seria um sinal do interesse de ingressar como vice em alguma candidatura. Até o momento, o União Brasil não foi formalmente autorizado pelo Tribunal Superior Eleitoral e não anunciou se lançará candidato próprio.

*Com informações da repórter Katiuscia Sotomayor