SP investiga pelo menos 15 casos suspeitos de reinfecção pelo coronavírus

Os relatos acontecem após cientistas de Hong Kong confirmaram o primeiro caso de reinfecção

  • Por Jovem Pan
  • 26/08/2020 06h44 - Atualizado em 26/08/2020 08h49
EFE/EPA/WILL OLIVERNo interior, oito pacientes são monitorados pelo Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto; os outros sete são observados a partir da capital

Nesta terça-feira, 25, cientistas da Holanda e da Bélgica afirmaram que mais dois pacientes, um em cada país, foram reinfectados pelo coronavírus. O relato acontece um dia depois que cientistas de Hong Kong confirmaram o primeiro caso de reinfecção. Ao mesmo tempo, no Brasil, o estado de São Paulo investiga 15 casos suspeitos de reinfecção pelo coronavírus. No interior, oito pacientes são monitorados pelo Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto; os outros sete são observados a partir da capital. O infectologista Max Igor Lopes, que atua no laboratório, diz que a equipe tenta comparar a genética dos vírus da primeira e da segunda infecção.

O chefe da pesquisa da vacina contra a Covid-19 no Instituto do Coração do Hospital das Clínicas (Incor), Jorge Kalil, diz que esses descobrimentos podem levar à necessidade de doses periódicas – como no caso da vacina contra a gripe. O imunologista diz que mais de um tipo de vírus poderia estar em circulação. A Organização Mundial da Saúde (OMS) afirmou que os casos de reinfecção pelo coronavírus não parecem ser comuns. A líder técnica da OMS, Maria van Kerkhove, afirmou que todos os infectados desenvolvem algum nível de imunidade contra o vírus, a questão é saber o quão protetora ela é e por quanto tempo dura.

*Com informações do repórter Victor Moraes