Bolsonaro diz que vai conversar pessoalmente com Ciro Nogueira antes de tomar decisão sobre Casa Civil

Presidente afirmou que possível indicação do senador ao ministério melhoraria interlocução com o parlamento e que não queria fazer um ‘casamento pela internet’

  • Por Jovem Pan
  • 22/07/2021 21h01 - Atualizado em 22/07/2021 21h51
MATEUS BONOMI/AGIF - AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/ESTADÃO CONTEÚDO -22/03/2021Presidente Jair Bolsonaro falou sobre indicação durante live desta quinta

O presidente Jair Bolsonaro afirmou, durante live realizada nesta quinta-feira, 22, que vai conversar pessoalmente com o senador Ciro Nogueira (PP) na próxima segunda-feira, antes de confirmar a indicação do parlamentar como ministro da Casa Civil. “Vou conversar com ele na segunda-feira para depois tomar a decisão. Não vai ser um casamento pela internet”, disse Bolsonaro ao responder uma pergunta de um dos comentaristas do programa “Os Pingos Nos Is“, da Jovem Pan. “Acreditamos que uma melhor interlocução com o parlamento seria um senador”, continuou.

O presidente também falou sobre o fato de Nogueira ter feito críticas a ele no passado. “Tem vídeo correndo na internet de que ele me chamou de fascista lá atrás. Sim, chamou. As coisas mudam. Eu tinha posições no passado que não assumo mais hoje. Mudei”, declarou. Questionado sobre uma possível filiação ao partido de Nogueira, o PP, Bolsonaro confirmou que está conversando com a legenda, mas disse que ainda não tomou a decisão. “Tenho que entrar num partido que me queira e que eu queira também, que tenha a segurança de tudo que nós combinarmos se fazer valer de fato”, afirmou. 

Durante a live, o presidente também reclamou sobre as críticas aos parlamentares aliados que votaram a favor da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), que inclui o aumento do fundo eleitoral para R$ 5,7 bilhões. Bolsonaro disse que Eduardo Bolsonaro, Bia Kicis, Carla Zambelli e outros votaram a favor da LDO, e não do fundão. O mandatário também voltou a afirmar que vai vetar a proposta. “Eu peço que vocês reflitam sobre as críticas que fizeram a esses parlamentares. Não é justo é você criticar deputados e senadores que estão alinhados conosco como se fossem uns carrascos, aquelas pessoas que queriam o fundo partidário naquele montante, não é verdade”, defendeu. 

Assista a live do presidente Jair Bolsonaro desta quinta-feira, 22, no programa “Os Pingos Nos Is”: