Filha de André Gonçalves, Manuela Seiblitz relata como foi viver com o pai ausente

‘Não há nada que ele possa me ensinar sobre como amar meus futuros filhos’, afirmou a jovem

  • Por Jovem Pan
  • 12/01/2022 11h05
Reprodução/Instagram/manuseiblitz/Record/12.01.2022Manuela Seiblitz fez um desabafo falando da ausência de André Gonçalves

Manuela Seiblitz, filha mais velha do ator André Gonçalves, fez um desabafo nas redes sociais na última terça-feira, 11, dizendo que o artista foi um pai ausente. A relação familiar foi exposta após André ter a prisão domiciliar decretada por dever mais de R$ 350 mil de pensão alimentícia para a filha caçula, Valentina, que tem 18 anos e é filha do ator com Cynthia Benini. O artista também deve pensão a Manuela, que cobra do pai na Justiça o valor de R$ 109 mil. Mostrando que André não esteve presente em vários aniversários, a jovem, que também é filha da atriz Tereza Seiblitz, escreveu: “Eu tenho 22 anos. Nasci dia 13 de fevereiro de 1999 – sábado de carnaval. Minha mãe me botou no mundo, o outro se atrasou para o parto e não me viu chegar”.

Ela continuou dizendo que o pai não esteve presente em muitos momentos importantes da sua vida. “Aprendi a andar sem ele. Aprendi a ler, escrever e fazer contas sem ele. Tive meu primeiro ralado no joelho sem ele. Todas as apresentações de escola e de teatro sem ele. Minha primeira medalha na natação. Natal, Réveillon. Festas de aniversário sem ele. Minha primeira nota baixa. Aprendi a desenhar, cantar e jogar bola sem ele. Aprendi a cozinhar sem ele. Aprendi a lavar a roupa, fazer faxina e mercado sem ele. Aprendi a andar de bicicleta sem ele. Aprendi a comer, tomar banho e escovar o dente sem ele. Fui a todos os médicos sem ele. Me botei para dormir sem ele. E não há nada que ele possa me ensinar sobre como amar meus futuros filhos.” Manuela também deu a entender que ainda tem vontade de ter uma relação próxima com André. “Aos pais do mundo, sempre há tempo. Enquanto se está vivo, há tempo. Não percam a gigante oportunidade de conhecer os filhos de vocês”, finalizou.

Mesmo com a prisão domiciliar decretada, André passou o Réveillon em um hotel de luxo com sua atual parceira, a atriz Danielle Winits, em Angra dos Reis, no Rio de Janeiro. No início desta semana, Tereza disse que não se importou com isso, mas que fica “enjoada” quando vê André falando inverdades da filha. “Não tinha nem visto [as publicações dele], não me interessa como ele passou o Ano Novo, isso não faz parte do problema”, comentou nas redes sociais. Ao “Domingo Espetacular”, a atriz disse que a relação com André nem sempre foi conturbada: “Tive uma relação amigável com ele durante muito tempo. Nunca foi um pai de cotidiano, mas era um pai alegre e sempre fiz questão de acolher ele do jeito que ele era”. Os conflitos começaram quando ele parou de pagar a pensão da filha. “Ele abaixou a pensão, tentei conversar com ele umas três vezes, foi muito grosso e me mandou um advogado”, contou a atriz.