Gisele Bündchen rebate ministra do Meio Ambiente: ‘Torço para poder divulgar ações positivas’

  • Por Jovem Pan
  • 16/01/2019 17h37
Reprodução/ Instagram"Causou-me surpresa ver meu nome mencionado de forma negativa", disse a modelo

Gisele Bündchen usou sua conta no Twitter nesta quarta-feira (16) para rebater as críticas da ministra do Meio Ambiente, Tereza Cristina. Em um texto divulgado na rede social, a modelo afirmou que foi pega de surpresa por ter sido citada por Cristina durante entrevista ao Jornal da Manhã da Jovem Pan e disse ainda que torce para poder divulgar ações positivas da pasta.

“Causou-me surpresa ver meu nome mencionado de forma negativa por defender e me manifestar em favor do meio ambiente”, escreveu Gisele. “Desde 2006 venho apoiando projetos e me envolvendo com causas socioambientais, o que sempre fiz com muita responsabilidade”, completou.

A gaúcha rebateu especificamente a fala de Cristina sobre ela ter criticado projetos ambientais da gestão de Michel Temer. “Acredito que a produção agropecuária e conservação ambiental precisam andar juntas, lado a lado. Nosso desenvolvimento, prosperidade e bem-estar dependem desse equilíbrio e a agricultura, tão importante para o nosso país, também depende das condições climáticas adequadas para o seu crescimento”, disse. “O Brasil tem tudo para liderar o movimento em prol de um desenvolvimento mais sustentável, capaz de suprir as necessidades da geração atual sem comprometer as futuras gerações. Torço para poder divulgar ações positivas neste sentido.”

A top model também fez um apelo para que governantes lembrem que os recursos naturais não são infinitos. “Precisamos lembrar que os recursos naturais são finitos e as florestas têm papel fundamental no equilíbrio do clima na Terra e, consequentemente, em nossas vidas. Preservar a natureza, portanto, significa preservar a vida”, finalizou.

Polêmica

Toda a polêmica com Bündchen começou quando a ministra criticou a postura da modelo em relação a duas medidas ambientais tomadas por Michel Temer. “Desculpe, Gisele Bündchen, você deveria ser a nossa embaixadora, dizer que o seu país preserva, que o seu país está na vanguarda do mundo para a preservação e não vir aqui meter o pau no Brasil sem conhecimento de causa”, disse em entrevista ao Jornal da Manhã.

Depois, no Twitter, Cristina reforçou que iria convidá-la para ser embaixadora da pasta. “A modelo vai receber, em breve, convite nosso”, prometeu.