J.K. Rowling causa polêmica com temática de novo livro

‘Trouble Blood’ conta a história de um serial killer que se veste de mulher para cometer feminicídios

  • Por Jovem Pan
  • 14/09/2020 16h59
DivulgaçãoJ.K. Rowling, autora de Harry Potter

A autora de Harry Potter parece não conseguir ficar longe das polêmicas. Depois de anunciar seu novo livro de romance policial ‘Trouble Blood’ (Sangue Perturbado, em tradução livre), escrito com o pseudônimo Robert Galbraith, J.K. Rowling foi duramente criticada nas redes sociais pelo enredo da história: um homem cis que se veste de mulher para assassinar outras mulheres. A temática remete aos comentários transfóbicos que a autora deu em ocasiões anteriores. O crítico literário Jake Kerridge fez sua resenha para o jornal britânico The Telegraph e comentou “me pergunto o que os críticos da posição de Rowling sobre questões trans vão achar de um livro cuja moral parece ser: nunca confie em um homem de saias”. O livro entra em pré-venda amanhã.

No Twitter, a hashtag #RIPJKRowling ficou entre os assuntos mais comentados da tarde dessa segunda-feira (14). Entre os comentários dos brasileiros está o da pedagoga Ana Flor, que milita pelas causas das travestis nas redes sociais. Segundo ela, a nova obra de Rowling acaba “corroborando e reiterando um imaginário social de mulheres trans e travestis como criminosas”. Outros ainda chegaram a questionar se é possível separar o autor de sua obra, fazendo relação com o mundo bruxo de Harry Potter.