Em freestyle explosivo de quase 5 minutos, Eminem destrói Trump: “avô racista de 94 anos”

  • Por Jovem Pan
  • 11/10/2017 12h02
Reprodução

A televisão norte-americana exibiu na noite de terça-feira (10) o BET Hip Hop Awards, premiação que celebra os principais artistas do gênero no país. Os grandes vencedores desta edição foram o já popular Kendrick Lamar e a estreante Cardi B – mas quem deu o que falar mesmo foi Eminem. Em determinado momento do evento, ele apareceu em um vídeo no telão apresentando rimas no estilo freestyle. Em quase 5 minutos de fala, destruiu o presidente Donald Trump.

“Ele diz que quer diminuir nossos impostos / Mas quem vai pagar pelas viagens extravagantes dele / Com a família para os campos de golf e suas mansões? / É a mesma coisa pela qual ele criticou Hillary e aí ele faz mais / Desde seu apoio a [Steve] Bannon e aos membros da KKK / Com tochas nas mãos para o soldado negro / Que volta do Iraque e ainda dizem para ele que deve voltar à África”, disse o músico.

“Uma faca e uma adaga nesse avô racista de 94 anos / Que continua ignorando nossos fatores históricos e deploráveis / Agora, se você é um atleta negro, você é um mimado / Por querer usar sua plataforma ou sua estatura / Para tentar dar uma voz aos que não tem nenhuma (…). É como se déssemos um passo para frente e depois para trás / Mas essa é a forma dele de distração / Além disso, ele consegue uma reação enorme / Quando ataca a NFL, então focamos nisso / E em vez de falar sobre Porto Rico ou a reforma na lei de armas para Nevada / Todas essas tragédias horríveis, e ele está entediado e prefere / Causar polêmica no Twitter com os Packers”, completou.

Por fim, o rapper foi claro ao afirmar que não aceita ter fãs que apoiam o republicano. “E qualquer fã meu que apoia ele / Estou traçando um limite aqui / Ou você é do lado de lá ou do lado de cá / E se você não consegue escolher de quem gosta mais / Ou quem deve apoiar / Eu decidirei por você com isso / Vá se f****”, finalizou.

Assista ao vídeo completo aqui: