‘Estou me sentindo órfão’, diz Zezé Di Camargo sobre morte de Marília Mendonça

Cantor falou que ainda não acredita no que aconteceu e enfatizou que quer dar um abraço em Ruth Dias, mãe da artista

  • Por Jovem Pan
  • 06/11/2021 13h56 - Atualizado em 06/11/2021 13h56
Reprodução/YouTubeMarília Mendonça era uma grande fã de Zezé Di Camargo

O cantor Zezé Di Camargo afirmou que ainda não conseguiu processar a notícia da morte da cantora Marília Mendonça, que faleceu na última sexta-feira, 5, após sofrer queda de avião. “A única coisa que fica na minha cabeça é: por quê? Eu chamava ela de menina”, comentou o artista emocionado durante participação ao vivo no “Headline News”. O cantor definiu a artista como “a voz da mulher” no gênero sertanejo e ressaltou que Marília estourou em todo o Brasil quebrando “padrões”. “Ela mostrava que podia ser gordinha e usar uma roupa que uma escultural usaria. Ela representava essa liberdade”, comentou.

Quando recebeu a notícia da morte da cantora, Zezé estava em uma reunião e quando viu a foto do avião caído ele achou que foi apenas um pouso forçado. Quando soube que ninguém que estava na aeronave sobreviveu, ele ficou sem acreditar. “Estou me sentindo órfão da amiga e da artista. É um momento muito triste.” Zezé lembrou que quando Marília cantou com ele e Luciano pela primeira vez, ela ligou em seguida para sua mãe, Ruth Dias, e contou chorando que tinha realizado o sonho de cantar com seus ídolos. O cantor disse que essa cena ficou marcada para nele e, por isso, quer dar um abraço em Ruth. A sensação do sertanejo, assim como a de muitos brasileiros, é que Marília, que morreu aos 26 anos, ainda tinha muito o que viver.