Juliana Paes revela que tomou advertência da Globo por desobedecer ordem em gravação de novela

Atriz gravou escondido sem o equipamento de segurança cena de ‘Gabriela’ subindo no telhado

  • Por Jovem Pan
  • 12/03/2021 10h12
Reprodução/Globo/12.03.2021Juliana Paes levou bronca por gravar cena em que subia no telhado sem o equipamento de segurança

A atriz Juliana Paes relembrou como foi viver a clássica cena da novela “Gabriela”, no qual a protagonista sobe em um telhado para pegar uma pipa. Durante uma live no Instagram do Minha Novela, a artista que protagonizou o remake na Globo, contou que levou bronca nos bastidores por ter desobedecido uma ordem da produção. “O grande desafio de subir é que hoje em dia a gente precisa de equipamentos de segurança e eu fiquei louca da vida no dia”, contou Juliana, que decidiu falar escondido para o operador de câmera se preparar que ela ia correr para subir no telhado antes de colocarem o equipamento nela. “Quando o bombeiro me viu lá em cima, eu tomei um esporro fenomenal. Tomei advertência, tive que assinar o papel. Foi uma confusão, tomei bronca do diretor, mas eu queria ter feito sem nada [de equipamento] pelo menos uma vez.” A atriz precisou repetir a cena com o equipamento de segurança para fazer gravações complementares.

A primeira versão da novela, exibida em 1975, foi protagonizada pela atriz Sônia Braga e a escolha de Juliana para a personagem principal do remake dividiu a opinião do público. “Fiquei muito nervosa, muito insegura. Teve uma semana que eu fiquei angustiada demais porque, além de eu estar com essa carga toda de ter que fazer uma personagem que já tinha sido feito por uma mulher que eu sempre fui fã, começaram a suscitar coisas que tinha a ver com idade e eu já estava com meus trinta e pouquinhos. Eu não tinha pensado nisso, comecei a cair nesse lugar de ‘estou velha’. Fui conversar com o diretor e falar que achava que eu não era [a melhor escolha], mas ele disse que a decisão foi unânime”, contou a intérprete de Bibi Perigosa em “A Força do Querer”. Juliana deixou claro que nunca quis competir com Sônia e sua intensão sempre foi homenageá-la. “A Sônia Braga me mandou um bilhetinho com umas flores maravilhosas dizendo: ‘Estou muito feliz que você será a Gabriela’. Eu chorei, foi uma bênção. Fiquei mais solta para fazer do meu jeitinho.”