Episódios inéditos de ‘Dexter’ darão novo desfecho ao protagonista, diz showrunner

Série finalizada há sete anos deve estrear sequência inédita em 2021

  • Por Jovem Pan
  • 24/10/2020 17h35 - Atualizado em 24/10/2020 20h01
Divulgação/AMCMichael C. Hall viveu o assassino 'Dexter' em oito temporada da série do Showtime

Os fãs de “Dexter” foram surpreendidos com o anúncio de que a série, finalizada há sete anos, ganhará novos episódios. Clyde Phillips, o showrunner da produção até a quarta temporada, disse que a nova leva de dez episódios é uma chance de se redimir pelo desfecho dado ao assassino vivido por Michael C. Hall, que foi muito criticado pelos espectadores na época. “Não queremos que essa seja a nona temporada de ‘Dexter’. Quase dez anos se passaram desde que o final foi ao ar, e a série vai refletir a passagem do tempo. Então independente do final da produção, esse não terá semelhança com o final original. É uma grande oportunidade de escrever um segundo final, e o Showtime foi muito gracioso sobre isso”, disse em entrevista ao podcast TV’s Top 5.

Phillips ainda contou que a conclusão da série também não agradou Hall, mas garantiu que as temporadas finais não serão “apagadas”, como se não tivessem existido. “Michael certamente estava ciente que o final não foi bem recebid  e acredito que ele não estava completamente satisfeito com isto. Essa é uma oportunidade de fazer direito, mas não é por isso que estamos voltando. Estamos fazendo isso porque há fome de ‘Dexter’ por aí”. As gravações de “Dexter” começam no início de 2021 e a produção deve ir ao ar já no segundo semestre do mesmo ano.